Assalto à Loja de Gomas e outras HISTÓRIAS DE PORTUGAL

De Gugawiki
Ir para navegação Ir para pesquisar
S05E30
Gugacast 1060x596 s05e30.jpg
Ficha Técnica
Data de Lançamento 02/08/2020
Duração 1:24:32
Editor Roberto Oksman de Aragão
Numeração Original S05E30
Temporada Season 5
Participantes Gustavo Mafra
Rafael Mafra
Beatriz Fiorotto
Cronologia Gugacast
S05E29

Anterior

S05E31

Próximo

Amigo, estamos aqui! Voltamos com histórias 100% fresquinhas e claro que trouxemos junto a fantástica Bia Fiorotto! Hoje tem gente aprendendo como Portugal funciona, tem tensão em Portugal e tem crime português!

Resumo do Episódio

Ato 1: Jogo: Portugal Portugal.
Ato 2: E-mails dos ouvintes.

Bordões, Referências e Tropes

N/a.

Curiosidades

N/a.

Histórias Contadas

Todos os títulos dos e-mails deste episódio são nomes de músicas do Roberto Leal.

  1. Menina Faceira: Amanda, de Amsterdã, conta de quando morava em Lisboa e começou a entender como as pessoas são em Portugal, passando por: uma senhora que dizia que o bolo que vendia era sabor bolo; pelo momento em que descobriu o que quer dizer pequeno almoço; por um garçom que não queria trazer um segundo cardápio à mesa dela porque todos eram iguais; palavras que querem dizer coisas diferentes em Portugal e no Brasil; e uma gafe no trabalho que fez com que velhinhos achassem que ela havia feito sexo oral no colega.
  2. O Malhão: Ouvinte Desconhecido, de São Paulo, fala da vez que seu tio foi convidado para jogar futebol pela Associação Acadêmica de Coimbra e ele vai junto para o Velho Continente. Certo dia, ao lado da escola, ele vai com a namorada e uma amiga comprar doces em uma loja onde você mesmo se serve e paga. Porém, ele repara que esta amiga havia adulterado a balança na hora de pesar as guloseimas. Na sua vez, ele acha estranho que a pipoca que ele estava pesando se chamava milho frito. Ele repete o processo algumas vezes, um segurança aparece, o leva para uma salinha, interroga ele e ameaça levá-lo à polícia para ser deportado. Mas tudo acaba bem, sem maiores problemas.
  3. Na Casa da Mariquinha: Tiago, de São Francisco do Sul, conta da vez que, aos dez anos de idade, foi visitar sua tia em Loures. Ela sofria de depressão e o seu marido trabalhava como caminhoneiro, passando pouco tempo em casa. Certa tarde, ele vai jogar bola com seu primo e amigos e, ao voltar para casa, nota uma ambulância, carro de polícia e bombeiros em frente ao prédio. Os policiais levam Tiago até o apartamento, de onde ele vê sua tia saindo carregada de maca. Ele então pega uma muda de roupa e é levado, junto com seu primo, para um orfanato. Dois dias depois o marido da sua tia chega para buscá-los. Mais tarde ele descobre que ela havia tido uma overdose de remédio tarja preta. Hoje em dia ela está viva e passa bem.

Este Episódio Marca

N/a.

Onde Escutar

Assalto à Loja de Gomas e outras HISTÓRIAS DE PORTUGAL